Garrafas no telhado!


Telhado à base de PET

As famigeradas garrafas PET costumam permanecer centenas de anos na natureza
após o descarte. Isso significa, entre muitos outros impactos ambientais, a
redução na vida útil de aterros sanitários e a contaminação de lençóis
freáticos, rios e redes de esgoto. O que pouca gente sabe é que há soluções
para reintegrar a matéria-prima à linha de produção, algo capaz de reduzir o
desmatamento e a emissão de gases do efeito estufa. Uma delas foi
desenvolvida há menos de dois anos pela Telhas Leve, empresa com sede em
Manaus (AM) e responsável por uma rede de revendedores em todo o país. São
telhados feitos a partir das garrafas de água mineral e refrigerante.

O custo do metro quadrado do produto é de R$ 39, duas vezes mais alto que o da telha convencional de barro, que gira em torno de R$ 19. Mas, de acordo com Formariz, devido à sua leveza, o gasto com a estrutura do telhado custa R$ 15, um quarto do preço da tradicional, que é de R$ 70 em média.
www.telhasleve.com.br

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Sabe o que é SAPUCAIA?