Ô BRASIL...

Ele se chama PAULO MEDINA. Ministro afastado do STJ, responde a processo no STF.

Em denúncia convertida numa ação penal, o Ministério Público o acusa de vender sentença à máfia dos caça-níqueis, desbaratada em 2007.

Afastado das sessões de julgamento do STJ, Medina perdeu o gabinete, os funcionários e o carro oficial.

Em abril do ano passado, tentou reaver, no STF, as regalias que o STJ lhe negara. O Supremo indeferiu o recurso.

Pois bem. Embora responda por um par de crimes –prevaricação e corrupção passiva— Medina acaba de ser premiado com um apartamento funcional.

O imóvel pertence à União. Está assentado na Super-quadra Norte 304, um endereço elegante de Brasília.

Deve-se a informação ao 'Correio Braziliense'. A notícia foi pendurada na edição desta quarta assinantes.

Antes de ser abrigado na nova morada, Medina ocupava provisoriamente um apartamento que lhe fora cedido por um tribunal militar, o STM.

Em tempo: a despeito de estar impedido de proferir sentenças, Medina continua recebendo regularmente o contracheque.

A ociosidade do ministro custa à Viúva, veneranda e desprotegida senhora, R$ 24,4 mil por mês.

ENQUANTO ISSO... O "POVO TRABALHADOR" DOS MORROS DESMORONADOS... DAS CIDADES DESTRUÍDAS... ESTÃO EM BARRACAS IMPROVISADAS... ESPERANDO ALGUMA SOLUÇÃO...

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Sabe o que é SAPUCAIA?

BENZOPHENONE-3 TÔ FORA!!!

CONSTRUÇÕES ALTERNATIVAS